AGRAVO DE INSTRUMENTO COM PEDIDO DE EFEITO SUSPENSIVO EM AÇÃO ORDINÁRIA

Agravo de instrumento com pedido de efeito suspensivo em ação ordinária.

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ PRESIDENTE DO EGRÉGIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 4ª REGIÃO

AUTOS Nº: _______

________., brasileiro, casado, gerente comercial, residente e domiciliado em _______, na Rua Deputado ________, portador da CI-RG n.º _____ e inscrito no CPF/MF sob o n.º _______, por seus procuradores e advogados, com escritório profissional no endereço infra impresso, com fundamento nos artigos 5.º, LV, da CF/88 e 522 e seguintes do CPC, dentre o mais aplicável à espécie, não se conformando, data venia, com o r. despacho de fls. 88-89, proferido pelo MM. Juiz Federal da 2.ª Vara Cível de ______, nos autos de AÇÃO ORDINÁRIA em epígrafe, que move em face da -------------------------, vem, respeitosamente à presença de Vossa Excelência, interpor:
 
AGRAVO DE INSTRUMENTO COM PEDIDO DE EFEITO SUSPENSIVO
 
consoante minuta em anexo, requerendo seja este recebido, formado e processado nos termos da Lei, com remessa oportuna ao Eg. Tribunal Regional Federal da Quarta Região, como de direito.
 
Para formação do instrumento, junta-se, desde já, o comprovante de recolhimento das custas, bem como apresentam-se as peças obrigatórias e as demais necessárias à compreensão da controvérsia, como da previsão legal.
 
Para fins do artigo 523, III, do Código de regência, informa que são Advogados atuantes no processo, pelo Agravante:
 
_______ - OAB/PR No ____; ________ - OAB/PR No ______; ________ - OAB/PR No _____; , todos com escritório profissional em _______ .
Por sua vez, quanto à parte Agravada, além de todos os procuradores contidos no Instrumento de fls. 37 e verso, vem atuando nos Autos o Doutor:
________ - OAB/PR No ______, com escritório profissional em ______, à Rua ________, Departamento Jurídico --------------------- - Centro.
 
Por fim, e tendo em conta a celeridade e desburocratização dos serviços do juízo, declara-se na forma do artigo 544, § 1º, in fine, do CPC (Redação da Lei nº 10.352, de 26.12.01), que todas as peças trazidas por cópias são autênticas, estando vistadas pelo ora Subscritor.
 
Nestes termos,

Pede deferimento.
 
________, __ de ______ de _____.
 
________________
OAB/PR ______ -

Obs.: Relação de peças EM ANEXO
RELAÇÃO DE DOCUMENTOS ANEXADOS:

DOCUMENTOS OBRIGATÓRIOS - ART. 525, I, CPC:
1. DECISÃO AGRAVADA (fls. 88-89)
2. CERTIDÃO DE INTIMAÇÃO DAS PARTES (fl. 89)
3. PROCURAÇÃO DO AGRAVANTE E SUBSTABELECIMENTO (fl. 09 e 45)
4. PROCURAÇÃO DA AGRAVADA (fl. 37 e verso)
DOCUMENTOS NECESSÁRIOS E ÚTEIS - ART. 525, II, CPC:
1. PETIÇÃO INICIAL (fls. 02-07)
2. SENTENÇA DE 1.ª INSTÂNCIA (fls. 45 (sic) -51)
3. APELAÇÃO DA AGRAVADA (fls. 52-65)
4. COMPROVANTE DE PAGAMENTO DO PORTE REMESSA/RETORNO DOS AUTOS (fls. 67)
5. APELAÇÃO DO AGRAVANTE (fl. 76-83)
6. COMPROVANTE DE PAGAMENTO DAS CUSTAS DE APELAÇÃO (fl. 84)
7. DESPACHO DE INTIMAÇÃO PARA A JUNTADA DAS CUSTAS DE PORTE REMESSA/RETORNO DOS AUTOS (fl. 85)
8. PETIÇÃO DO AGRAVANTE REQUERENDO A JUNTADA DO COMPROVANTE DE RECOLHIMENTO (fl. 86)
9. COMPROVANTE DE RECOLHIMENTO DO PORTE REMESSA/RETORNO (fl. 87)